Avistamento a Sudoeste de Lisboa

 

Esquema da observação dos pilotos ingleses dum avião "Trident"

Extraído do livro "OVNIS EM PORTUGAL" de Joaquim Fernandes

 

Resumo do caso

Avistamento a 40 milhas
a sudoeste de Lisboa
30-07-1976
20:00 h


As tripulações e passageiros de três aviões comerciais e de um jacto da Força Aérea Portuguesa, puderam observar um objecto, que não conseguiram identificar, de cor branca e muito brilhante, e outros dois, com a forma de charuto ou salsicha, de cor castanha. Os pilotos afirmaram que o fenómeno principal (o da cor branca), não podia ser um planeta, pois era muito grande (em dimensão virtual, cerca de seis vezes o diâmetro de Vénus), e a sua luminosidade, comparada com a luz de uma estrela no firmamento, era como ter ao nosso lado um farol de bicicleta. Deslocava-se, muito rapidamente, numa trajectória ascensional em linha recta. O operador de radar, em terra, afirmou que tinha detectado um eco bastante esquisito.